Redes Sociais: Pesquisa aponta Facebook como a rede social onde o usuário mais faz compras

...

A tecnologia tem transformado constantemente os hábitos dos consumidores. Nos últimos anos, muitos passaram a realizar compras através da internet e de aplicativos. Além dos já conhecidos sites de e-commerce, as redes sociais também se tornaram uma alternativa para empresas e consumidores.

Segundo uma recente pesquisa realizada pela Open Influence, empresa americana com foco em marketing, o Facebook é a plataforma onde os seus usuários mais fazem compras online.

O estudo, desenvolvido em outubro de 2017 nos Estados Unidos, contou com a participação dos usuários das mídias sociais que disponibilizam ao público ferramentas para comercialização de produtos.

Resultados da pesquisa

Dos participantes da pesquisa, 47% revelaram que suas últimas compras realizadas através de alguma rede social foram feitas através do Facebook, o que mostra a influência da gigante da internet não só como ferramenta de relacionamento. Em seguida aparecem na lista o Instagram, com 8,6%, YouTube com 4,5% e Pinterest com 2,1%.

A pesquisa também revelou que moda e vestuário são os produtos preferidos por 32,4% dos compradores. Bebidas e comidas também aparecem em destaque, com 17,9% de preferência. Em outros estudos foi mostrado que mais da metade dos americanos que utilizam as redes sociais fizeram alguma aquisição onde o Facebook esteve presente na jornada de compra.

O impacto das redes sociais

Essas pesquisas servem para mostrar que, embora muitas redes sociais surjam apenas com o objetivo de ser um canal de entretenimento, nada impede que, aos poucos, elas comecem a oferecer novos produtos e serviços aos seus usuários. Em outubro do ano passado, por exemplo, o Facebook lançou o Marketplace, que foi muito bem aceito pelas empresas.

O sucesso foi tanto que, recentemente, a rede social adicionou aproximadamente 18 milhões de novos itens à plataforma de comércio eletrônico, entre os quais uma seção dedicada exclusivamente para a venda de automóveis, mostrando que é fundamental estar atento às necessidades do mercado.

Fonte: Digaí